segunda-feira, agosto 19, 2013

Apocalipse Not.

 photo apocalipsenot.jpg

Hoje em dia já é mais frequente encontrar nos media quem não tenha medo nenhum de desmascarar a grande fraude ambientalista, mas em 2003, 2004 e 2005, quando primeiro no Ocidental Praia e depois aqui no Blogville eu já barafustava bastante, o assunto ainda era quase uma heresia.


Este aliás é um antigo cavalo de batalha do blog. Os links para os textos que resumem o meu pensamento sobre o tema e que escrevi em 2005, estão aqui:


E São Pedro, não manda nada?


A Frande Ambientalista: introdução.

Camada de Ozono
Florestas
Energia
Poluição Atmosférica
Aquecimento Global

Vem tudo isto a propósito do maravilhoso tema de capa da Wired de Setembro de 2012, que descobri, por acaso, ontem.
A reportagem reforça os argumentos que tenho vindo a repetir ad nauseam, mas como foi redigida por um cientista que nasceu para isto, a coisa é mais abrangente, mais rigorosa e sobretudo mais divertida, de tal forma que me parece obrigatório ler o que lá está escrito. O magnífico texto de Matt Ridley é construído de forma dialéctica - antes de contestar com os factos, que desmentem invariavelmente a possibilidade das mais terríveis profecias, o autor de "The Rational Optimist" integra uma colecção de disparates super alarmistas, do género Livro do Apocalipse, que ilustram bem o carácter dogmático, radical e absolutamente não científico do evangelho ambientalista. Por exemplo:


"The battle to feed all of humanity is over. In the 1970s ["and 1980s" was added in a later edition] the world will undergo famines—hundreds of millions of people are going to starve to death in spite of any crash programs embarked on now … nothing can prevent a substantial increase in the world death rate.”
Paul Ehrlich - 1968

“Scientists have solid experimental and theoretical evidence to support … the following predictions: In a decade, urban dwellers will have to wear gas masks to survive air pollution … by 1985 air pollution will have reduced the amount of sunlight reaching earth by one half.”

Life Magazine - January 1970 
“We could use up all of the proven reserves of oil in the entire world by the end of the next decade (...) World oil production can probably keep going up for another six or eight years. But sometime in the 1980s, it can’t go up anymore. Demand will overtake production.”
Jimmy Carter - televised speech - 1977
"THE FOREST DIES.” 
Der Spiegel - November 1981 
“An increase inTwilight Zone-type reports of sheep and rabbits with cataracts"
The New York Times - Report on the threat to the ozone layer 
“We need to radically and intelligently reduce human populations to fewer than one billion … Curing a body of cancer requires radical and invasive therapy, and therefore, curing the biosphere of the human virus will also require a radical and invasive approach.”
Paul Watson - The Sea Shepherd Conservation Society

Para além desta edição da Wired, é muito significativo o conjunto de vozes que nos últimos cinco anos se têm levantado para desmascarar a ciência fantasiosa de Al Gore e de um grupo de interesses com raízes profundas no establishment político, universitário e mediático, um pouco por todo o mundo. Quatro exemplos recentes desta agradável tendência 
podem ser encontrados aqui:

The Resilient Earth (site)

The Great Global Warming Swindle (documentário britânico)
The Rerum Natura  (Prof. Jorge Buescu)
Climate Depot

Uma coisa boa que tem a idade, é que nos dá a quantidade de tempo suficiente para ver nascer e ver morrer certos mitos. E eu estou a apreciar a queda deste, muito especialmente.